sexta-feira, 31 de julho de 2020

ACOPIARA DEVE APRESENTAR NOVAS LIDERANÇAS EM 2020


O sentimento de renovação nas casas legislativas do Brasil  vem ganhando fôlego também nas cidades da região Centro Sul. Em Acopiara, por exemplo, setores como o da Educação e do Social devem ganhar defensores preparados para a formação de uma gestão centrada cada vez mais na formação de cidadãos.

Pensar na formação das novas gerações é um projeto que não pode ser esquecido pelas gestões públicas, pelo menos esse tem sido o pensamento de educadores  do município de Acopiara. É o caso da pedagoga Regina Araújo, da região de Santa Felicia, que lançou sua pré-candidatura ao cargo de vereadora com o pensamento de lutar pelo fortalecimento das políticas sociais e educativas.

O anúncio feito sobre sua intenção de lutar por uma das vagas no parlamento acopiarense nas eleições desse ano, ganhou o apoio da classe dos professores e de centenas de pessoas do município que reconhece o grande trabalho feito por Regina Araújo em prol da educação local.

Outra pessoa que mostrou entusiasmo com a pré-candidatura da educadora foi o Perfeito Antônio Almeida, confesso admirador do trabalho dela. "Ela é uma sumidade. Pessoa muito competente, correta e preocupada com o futuro de nossa gente. A Regina é uma grande personalidade do município e deve ter sucesso nesse novo desafio em sua vida", ressaltou o atual chefe do executivo de Acopiara e pré-candidato ao mesmo cargo nas eleições 2020, Antônio Almeida Neto.
DIREITOS DA MULHER

A pré-candidata é uma pessoa de destaque na cidade pela sua atuação em causas que defende o Direito da Mulher, causas humanitárias e dos agricultores. Regina Araújo é presidente do Conselho Municipal do Direito da Mulher de Acopiara. "Precisamos ter alguém na Câmara Municipal que defenda a mulher de nosso município, que lute pelos direitos humanos e causas sociais. Nossa ideia é lutar pela garantia de dias melhores, também, para os agricultores de nossa terra que não tem tido o amparo necessário por parte de alguns integrantes do legislativo municipal", destaca Regina.

0 comentários:

Postar um comentário